No mês passado, o Sr. Ministro da Administração Interna foi ouvido no Parlamento, na Comissão de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias, tendo-se referido a um contributo que a CNPD teria enviado, relativo à nova lei da videovigilância.
1/5
direitosdigitais.pt/comunicaca

Intrigados, pois tal contributo não constava do site da CNPD, dirigimos à própria CNPD um pedido de acesso a documentos administrativos, pedindo acesso ao documento referido pelo Sr. Ministro em audiência parlamentar.
2/5

A resposta que a CNPD nos fez chegar hoje foi a seguinte:
"(...) a CNPD não se pronunciou sobre a proposta a que se referiu o Senhor Ministro da Administração Interna, de outro modo, o respetivo Parecer estaria disponível no sítio da CNPD".
3/5

Seguir

Perante estes factos, a D3 pode apenas manifestar a sua perplexidade e espera que estes possam ser cabalmente esclarecidos por quem de direito.
4/5

O contributo da CNPD será sempre essencial para a salvaguardar os direitos fundamentais, principalmente numa legislação que versa sobre um tema tão sensível como é o caso da lei da videovigilância.
5/5

Inicie a sessão para participar na conversa
Mastodon (PT)

Mastodon é uma rede social baseada em protocolos abertos da web e software livre e gratuito. É descentralizado como e-mail.